Bolsonaro decide nesta quinta sobre proposta da Previdência


O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou ontem (13) em entrevista ao Jornal da Record que vai decidir sobre a proposta de reforma da Previdência na tarde desta quinta-feira (14). "Vamos bater o martelo amanhã. É a data final", disse Bolsonaro.
“Minha grande dúvida foi se [a idade mínima] passaria para 62 ou 65 anos no caso dos homens e 57 ou 60 para as mulheres. Isso vai ser decidido amanhã”, comentou o presidente.
Bolsonaro também falou sobre as possíveis regras de transição. “Se [a idade mínima aprovada] for 62 [anos para os homens] e 57 [para as mulheres], haverá transição. Por outro lado, também, a transição aconteceria até 2030 ou 2032, aproximadamente”, destacou ele, que evitou adiantar uma posição pessoal a respeito do tema.
O presidente ainda revelou que seu desejo era “não fazer reforma nenhuma da Previdência”. “Somos obrigado a fazê-la porque, caso contrário, o Brasil quebrará em 2022 ou 2023”, analisou.
Sobre as alterações nas regras de aposentadorias para militares e servidores públicos, Bolsonaro garantiu que a proposta direcionada às forças armadas será a mesma aplicada aos policiais e bombeiros.
BORGES NETO LUCENA INFORMA