sábado, 9 de fevereiro de 2019

Preço do feijão aumentou 113,53% em cinco meses

Pesquisa realizada pelo Procon de Campina Grande mostra que o feijão foi encontrado a preços que variam entre R$ 6,29 e R$ 8,39. Já o preço médio da cesta básica regional, para o período, foi de R$ 253,55. O levantamento de preços ocorreu em dez estabelecimentos da cidade na última na terça-feira (6).
“Com relação ao preço do feijão, em comparação com outras pesquisas realizadas pelo órgão, verificamos que de setembro a dezembro de 2018, o produto vinha apresentando um reajuste de centavos em seu preço médio a cada mês. Ao virar o ano, o feijão se mostrou R$ 1,50 mais caro, em relação ao mês anterior. E agora, de janeiro para fevereiro, o reajuste foi de R$ 2,00. Era R$ 5,26 e agora o quilo está em R$ 7,26. Resumindo, de setembro a fevereiro o feijão sofreu um reajuste de 113,53% em seu preço médio, e se continuarmos assim o item ficará cada vez mais ausente no prato do campinense”, sinaliza Rivaldo Rodrigues, coordenador do Procon Municipal.
Outro item que apresentou um aumento considerável em seu preço médio foi a batata inglesa, cujo quilo custava R$ 3,94 e neste mês ficou em R$ 6,52, ou seja, sofreu aumento de R$ 2,58.
Com relação ao levantamento atual, chama a atenção que o quilo do feijão foi encontrado nos dez estabelecimentos pesquisados ao preço mínimo de R$ 6,29 e máximo de R$ 8,39. O quilo da carne de frango apresentou como menor valor R$ 3,95 e maior de R$ 10,69. A bandeja com uma dúzia de ovos brancos variou de R$ 3,98 a R$ 6,49 e o que mais chamou a atenção foi o preço do alho. O quilo do produto pode ser encontrado aos preços de R$ 8,50 a R$ 37,90.
Essa variação de preços entre os produtos reflete no valor total da cesta básica regional. O menor valor encontrado foi de R$221,55 e o maior de R$ 299,17. Se pesquisar o consumidor pode ter uma economia de até R$ 77,62 comprando no supermercado com o preço mais em conta.
“Por tudo isso a orientação é, antes de sair para fazer a feira de supermercado mensal tira um tempinho e vai no site do Procon, no linkhttp://procon.campinagrande.pb.gov.br/, na aba “Serviços” e depois “Pesquisas” você encontrará todo o levantamento que foi feito para este mês. Mesmo que não faça as compras nos estabelecimentos elencados por nós, terá uma base do preço de como os produtos estão sendo comercializados neste mês” alerta Rivaldo Rodrigues.
MaisPB

BORGES NETO LUCENA INFORMA

Nenhum comentário:
Write comentários

BORGES NETO LUCENA INFORMA

Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter