Botafogo-PB recebe Náutico pela semifinal da Copa do Nordeste


A Copa do Nordeste chega a sua fase semifinal. Um dos duelos desta fase vai promover o encontro entre Botafogo-PB e Náutico, na noite desta quinta-feira (09), às 19h15, no Estádio Almeidão. O confronto tem reservada muita emoção para quem acompanhar os 90 minutos. Isso porque, assim como nas quartas de final, os finalistas serão conhecidos em jogo único. Ou seja, em caso de placar igualado ao fim da partida, Belo e Timbu vão decidir o primeiro finalista da Copa do Nordeste nas penalidades máximas. Fortaleza e Santa Cruz fazem a outra semifinal logo em seguida, a partir das 21h30.
O Botafogo-PB, mandante da partida, vai a campo com o status de dono da melhor campanha da competição. O Alvinegro da Estrela Vermelha garantiu o seu passaporte à semifinal com uma vitória expressiva por 3 a 1 contra o CSA. Desde então, o Belo vem acumulando uma série de seis partidas sem derrota. Dentre elas, a sequência de quatro vitórias que garantiu o título paraibano. Apesar do começo indesejado na Série C do Brasileiro - dois empates em dois jogos -, a confiança em busca de mais um feito no Nordestão tem movido os atletas botafoguenses. A melhor campanha alvinegra havia sido em 1998, quando o time chegou à quarta colocação geral (não houve semifinal naquele ano).
Já o Náutico deposita na Copa do Nordeste a sua grande esperança de título no primeiro semestre desta temporada. Na Copa do Brasil, foi desclassificado nos pênaltis para um dos seus grandes rivais, o Santa Cruz. Na final do Campeonato Pernambucano, também nos pênaltis, amargou o vice-campeonato para o Sport, seu arquirrival. Diante de alguns insucessos em uma temporada positiva nos números, o Timbu chega a João Pessoa com o prestígio de ter eliminado o Ceará nas quartas de final, na Arena Castelão.
Transmissão: o GloboEsporte.com acompanha o confronto da semifinal do Nordestão a partir das 17h, com um pré-jogo mais estendido. A Rádio CBN também transmite a partida ao vivo.
Ainda sem a confirmação sobre a presença de Marcos Aurélio, Evaristo Piza vai ter o elenco quase todo disponível para essa partida. Algumas interrogações devem passear pela cabeça do comandante. Uma delas é saber se Wellington Cézar ganha a vaga de Dico, como já aconteceu em diversos jogos decisivos da temporada. Outra possibilidade é a entrada de Juninho no meio, ganhando assim a vaga de Marcos Vinicius. Foi com essas possíveis trocas que o Botafogo-PB eliminou o CSA nas quartas de final.
Problemas não faltam para o Náutico. Muitos desfalques acentuam as dores de cabeça do treinador Márcio Goiano. O atacante Thiago, integrado à Seleção Brasileira sub-18, é a menor delas. Suspenso, o volante Josa está fora de combate. O que mais atordoa e compromete o time é a lista de lesionados: o experiente Jorge Henrique, por conta de um problema na panturrilha, ainda está em processo de transição e, portanto, está fora da partida. Diego Silva e Danilo Pires também avolumam a lista de desfalques por lesão. Além deles, Assis, Hereda, Maylson e Robinho são dúvidas.
O trio de arbitragem é da CBF e vem do Rio Grande do Norte. Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro vai apitar a partida, com os auxílios de Jean Márcio dos Santos e Vinicius Melo de Lima. Clizaldo Luís Maroja será o árbitro suplente.
globoesporte.com


BORGES NETO LUCENA INFORMA

Comentários