Brasil e Bolívia abrem Copa América nesta sexta-feira

O Brasil começa nesta sexta-feira (14), às 21h30, a caminhada para conquistar o nono título da Copa América. O jogo contra a fraca seleção da Bolívia vai ser no estádio do Morumbi, em São Paulo. 
Além da pressão de entrar em campo sem Neymar, que sofreu uma entorse no tornozelo direito no amistoso contra o Catar, Tite tem a missão de manter o histórico de títulos em território nacional. Esta quinta vez que o torneio continental acontece aqui e o Brasil sempre foi campeão (1919, 1922, 1949 e 1989). 
Tite reconhece a pressão e sabe do favoritismo brasileiro. "Para mim a pressão é diária, mas ao mesmo tempo ela me dá confiança e senso de equipe. Temos consciência de que temos que construir etapas para o título. Para ganhar tem que jogar bola. No jogo contra Honduras, por exemplo, respeitamos o adversário e principalmente o nosso trabalho", afirmou o treinador do Brasil.
Os substitutos
A ausência de Neymar não é único no time do Brasil. O volante Arthur, do Barcelona, se recupera de uma pancada sofrida no amistoso contra Honduras, e vai começar jogo no banco.
Para substituí-lo, a comissão técnica optou por Fernandinho. O meia do Manchester City foi um dos jogadores mais criticados na eliminação do Brasil para Bélgica na Copa do Mundo da Rússia.
Para lugar do camisa 10, o jovem David Neres, do Ajax, vai seguir no time. Ele substituiu Neymar nos dois amistosos pré-Copa América e agradou a comissão técnico. 
Disputa no ataque
Mesmo com gols marcados nos amistosos contra o Catar e Honduras, Gabriel Jesus vai começar a competição no banco. O vencedor da Liga dos Campeões da Europa, Roberto Firmino, no Liverpool, vai assumir o papel de marcar contra a Bolívia. 
A última vez que o Brasil conquistou a Copa América foi 2007, Daniel Alves estava naquele time e atualmente é o capitão da seleção. O lateral-direito vê que o torneio no Brasil pode fortalecer a relação entre a equipe e os torcedores. 
"É um momento esperado por todos nós, todos esses dias trabalhando muito bem para esse momento. Estamos preparados para estrear, fazer uma grande apresentação e voltar a conectar com o nosso povo", disse Dani Alves ao site oficial da CBF (Confederação Brasileira de Futebol). 
Os próximos jogos do Brasil na primeira fase vão ser contra a Venezuela, dia 18 em Salvador, e contra o Peru, dia 22 em São Paulo. 
CLICKPB


LUCENA INFORMA BORGES NETO

Comentários