Lucena, Cabedelo e Integração de órgãos públicos e privados para o combate de acidentes ambientais.


A companhia de DOCAS da Paraíba,entes públicos e representantes de empresas privadas assinaram na quarta-feira (23), o Regimento Interno do Comite do Plano de Área da Região Portuária de Cabedelo.
O texto trás parâmetros que servirão para a construção de documento final e teve adesão de cerca de 30 órgãos e empresas.
"É uma grande responsabilidade para o Porto de Cabedelo e municípios vizinhos ,como Lucena ,empresas e operadores.Ao mesmo tempo ,é um avanço significativo em termos de segurança e meio ambiente" discursou a Presidente da DOCAS -PB,Gilmara Timóteo.


Estiveram presentes na solenidade representantes do Ibama,Capitania dos Portos, Corpo de Bombeiros, Secretarias de Meio Ambiente de Cabedelo e Lucena ( Secretária Socorro Leite ), a Secretária de Desenvolvimento e Cidadania de Lucena Ana Maria Mnedonça ,Defesa civil de Cabedelo,Sudema,Centro Náutico Jacaré,Nordeste Navegações,TECAB,BR distribuidoras ,Raizen Icmbio eTranpetro.

A presidente da Docas explicou que o Plano de Área é um documento com intenção de mapear toda região portuária e possíveis pontos críticos ,com também agilizar a reposta aos acidentes ambientais,integrando órgãos e empresas e que o regimento Interno é o esqueleto para o plano de Área .



Borges Neto Lucena Informa

Comentários