Justiça anula eleição de Antônio de Pádua e o afasta da presidência do Sindicato dos Motoristas

A Justiça do Trabalho na Paraíba anulou, nesta quinta-feira (7), a eleição para a presidência do Sindicato dos Motoristas do Estado. Com o afastamento de inelegibilidade da Chapa 1, o presidente Antônio de Pádua fica afastado do cargo.
Pádua está há 30 anos no comando do sindicato.
O processo foi aberto pela Chapa 2, que concorreu com a chapa de Pádua, nas eleições de 2014. A decisão do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 13ª região foi tomada na manhã de hoje.
Deve ser criada uma Junta Governativa até que haja nova eleição para o Sindicato dos Motoristas do Estado da Paraíba.
Profissionais comemoraram a decisão da Justiça em frente ao prédio do TRT-PB.

CLICKPB



BORGES NETO LUCENA INFORMA

Comentários