Justiça Eleitoral suspende pesquisa DATAVOX em Monteiro por dados divergentes

 


O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) suspendeu a pesquisa Datavox em Monteiro por indícios de irregularidades. 

A decisão, assinada pelo Juiz Eleitoral Nilson Dias de Assis Neto, foi publicada nesta sexta-feira (9).

Confira aqui a decisão.

Foram verificadas divergências nos dados de idades, sexo, escolaridade e nível econômico dos entrevistados durante a pesquisa eleitoral nº PB-01710/2020 (id. 13935195), em relação aos dados existentes em fontes públicas.

Foi deferida uma liminar para determinar a imediatada suspensão da pesquisa eleitoral até o julgamento da ação, sob pena de multa diária no valor de R$ 500 pelo descumprimento.

O Instituto DATAVOX, em contato com o ClickPB, disse que vai apresentar em juízo todas as informações pertinentes para esclarecer e sanar todos os questionamentos.

CLICKPB



FALA PARAÍBA-BORGES NETO