Polícia desmonta laboratório de produção de drogas na zona sul de João Pessoa

 


Mais um local de cultivo e preparo de entorpecentes foi desarticulado pela Polícia Militar, nessa sexta-feira (30), na zona sul de João Pessoa. A ação resultou na apreensão de mais de 100 pés de maconha, e de 130 pontos de LSD. A suspeita é que as plantas que dão origem ao entorpecente vinham da Holanda.

As drogas e um vasto material usado para produção da drogas como refrigeração e iluminação especial, foram encontrados em uma casa, no bairro do Grotão, e apreendidos pelos policiais da Força Tática do 5º Batalhão. A PM chegou até o local após apontamentos da Coordenadoria de Inteligência (COInt).

Segundo as informações iniciais foram apreendidos mais de 100 pés de Cannabis sativa, planta que da origem a maconha e ao skank, versão mais concentrada da droga.

“Esta ação de hoje está ligada a outras apreensões de drogas que vêm ocorrendo na região, inclusive de drogas sintéticas apreendidas nesta semana. Acreditamos ainda que sementes de maconha tenham vindo de Amsterdã para este plantio, já que encontramos materiais específicos para o transporte das sementes. Isso é algo que será investigado”, explicou o tenente-coronel Barros, comandante do 5º BPM.

A PM também encontrou drogas sintéticas, como 130 pontos de LSD. No local, ninguém foi preso mas as buscas pelos proprietários do laboratório continuam. Todo o material apreendido foi encaminhado para a Central de Polícia.

CLICKPB



FALA PARAÍBA-BORGES NETO