Estudantes se acorrentam na porta da reitoria da UFPB contra nomeação do novo reitor escolhido pelo presidente Bolsonaro


 Estudantes da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) se acorrentaram na porta da reitoria da instituição de ensino como forma de protesto após a nomeação do novo reitor. O protesto teve início no fim da noite desta quinta-feira (5), após um ato pacífico que aconteceu na universidade. 

No início da manhã desta sexta-feira (06), quatro alunos permaneciam acorrentados a porta da reitoria. 

O protesto acontece após o presidente Jair Bolsonaro nomear Valdiney, que foi o último colocado na lista tríplice na votação da consulta pública na instituição de ensino. A nomeação de Valdiney Veloso foi publicada no Diário Oficial da União nesta quinta-feira (05).

candidata mais votada na consulta foi Terezinha Domiciano da chapa 2, que obteve 964,518 votos. Em setembro, Terezinha afirmou que achou estranho o movimento considerado conservador que pedia a nomeação do terceiro colocado na consulta. 

Valdiney Veloso não é o primeiro reitor menos votado escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro. Ele também nomeou  o professor Janir Alves Soares, como novo reitor da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM), Luiz Fernando Resende dos Santos Anjo como reitor da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) e Fábio Josué Souza dos Santos foi nomeado reitor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB).

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO