Vereadora de Bayeux aponta superfaturamento em aquisição de cestas básicas pela prefeitura e aciona a Justiça

 


A vereadora de Bayeux, Lucília Luiz de Freitas, acionou a Justiça daquele município ao perceber indícios de superfaturamento na aquisição de cestas básicas pela prefeitura. A ação popular foi movida pela vereadora contra a prefeita Luciene de Fofinho e a empresa Jaqueline Ferreira da Silva ME, que forneceu as cestas.

Os documentos anexados a ação, à qual o ClickPB teve acesso, mostram que a prefeita adquiriu 6.500 cestas básicas pelo valor de R$ 66,90 a unidade, totalizando R$ 434.850,00. A vereadora Lucília de Freitas, porém, teve acesso a uma proposta enviada pela mesma empresa para a prefeitura de Bayeux, na qual se comprometia a fornecer as cestas por R$ 60,40 a unidade.

A diferença de preço de R$ 6,50 totaliza R$ 42.250,00 quando se considera a quantidade adquirida. Com esse valor seria possível adquirir mais de 600 cestas básicas.

Outro questionamento da ação é que no endereço da empresa fornecedora encontra-se apenas uma pequena loja, semelhante a uma mercearia, que não teria estrutura para armazenar tal quantidade de cestas básicas.


A vereadora pede que o contrato seja suspenso e a prefeitura intimada a apresentar a documentação referente aos gastos. Pede também a restituição aos cofres públicos de valores gastos de forma indevida.

CLICKPB



FALA PARAÍBA-BORGES NETO