Acusados de assassinar comerciante por engano em João Pessoa são presos em Santa Rita; alvo seria irmão da vítima

 


Dois homens suspeitos de assassinarem a tiros um comerciante no centro de João Pessoa na tarde desta terça-feira (08) foram presos em flagrante em Santa Rita com a arma utilizada no crime.

De acordo com a polícia, a vítima, que era conhecida como Índio, não seria o alvo dos criminosos, mas sim o seu irmão, que tem envolvimento com o mundo do crime.

A dupla foi levada para a Central de Polícia, onde estão à disposição da Justiça.

Entenda

Um comerciante foi assassinado a tiros na tarde desta terça-feira (08) no Varadouro, bairro central de João Pessoa. A vítima, conhecida no local como Índio, estava na sua carrocinha, onde vendia lanches, quando foi surpreendido por dois homens que dispararam diversas vezes.

O crime aconteceu nas proximidades de um shopping popular da cidade. Uma unidade do Samu chegou a ser chamada ao local, porém, pôde apenas constatar o falecimento.

Além de Índio, outras duas crianças foram feridas por balas perdidas. Uma delas possui um ano e meio, enquanto a outra nove anos. Ambas foram levadas para o Hospital de Trauma, mas não correm risco de vida.

A família garante que o comerciante não possui passagem pela polícia, nem envolvimento com o crime.


Yves Feitosa