Bolsonaro oficializa indicação de André Mendonça ao Supremo Tribunal Federal

 

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) oficializou nesta terça-feira (13), em ato publicado no Diário Oficial da União (DOU), a indicação do advogado-geral da União, André Mendonça, ao Supremo Tribunal Federal (STF). O nome de André é uma das promessas de campanha do chefe do Executivo que prometeu um nome “terrivelmente evangélico” para a Corte. Ele é pastor licenciado da Igreja Presbiteriana do Brasil.

Para assumir o cargo, Mendonça ainda terá que se submeter a uma sabatina no Senado Federal e sua indicação será votada no plenário. Ele precisará da maioria (41) dos votos dos 81 senadores para se tornar apto a ocupar a cadeira de ministro da Suprema Corte.

Se aprovado, Mendonça substituirá o ministro Marco Aurélio Mello, decano (mais antigo ministro) do tribunal, que se aposentou nesta segunda (12). A publicação no Diário Oficial registrou a “mensagem” do presidente enviada ao Senado contendo o nome de Mendonça como o indicado para a vaga aberta no Supremo.


Portal Paraíba



BORGES NETO LUCENA INFORMA