Morre Dona Lia do Coco, mestra de ciranda e do coco de roda, aos 73 anos


 Mestra de ciranda e coco de roda, a cantora Dona Lia do Coco morreu nesta segunda-feira, aos 73 anos. A morte da cantora que embalou rodas de dança em todo o país foi confirmada nesta terça-feira pela Câmara Municipal de Igarassu e também nas redes sociais da artista. O corpo foi velado no Sítio Histórico de Igarassu ontem e a causa da morte não foi revelada.

“Quando eu morrer, minha voz fica no ar. Quando se lembrar de mim, bote o CD para tocar”, diz a frase divulgada na página oficial de Dona Lia do Coco.

Lia do Coco nasceu em Goiana, na Zona da Mata de Pernambuco, msa era idolatrada pelo município de Igarassu, onde foi velada.

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO