População vê crime em incêndio a ponto turístico do Conde e insinua participação da oposição

 


O Mirante do Dedo de Deus, um dos principais pontos turísticos da cidade de Conde, no Litoral Sul paraibano, foi alvo, segundo populares, de um incêndio criminoso na madrugada desta sexta-feira (20).

Este é o segundo incêndio na cidade em menos de uma semana, o primeiro aconteceu no último domingo, quando as caiçaras de pescadores da praia do amor foram completamente destruídas.

Em grupos de whatsapp várias pessoas insinuam que trupe de oposição está por trás dos atos criminosos. “Na minha opinião os dois incêndios em menos de uma semana foram criminosos”, denunciou um internauta.

No Mirante, a destruição também foi grande. O portal de entrada e barraca de apoio aos turistas foram queimados. As cordas de proteção na barreira foram arrancadas e jogadas no despenhadeiro.

“Tem gente por traz disso. Isso não pode acontecer menos de uma semana”, acusou um morador de Conde. “Não há duvidas”, completou outro popular.

PB AGORA





















FALA PARAÍBA-BORGES NETO