Ministério Público do Trabalho abre investigação sobre desabamento em mina que matou dois operários em Salgadinho

 

O Ministério Público do Trabalho na Paraíba (MPT-PB) informou que já instaurou “procedimento para investigar o acidente ocorrido em mina de caulim, no município de Salgadinho, interior da Paraíba. Dois operários morreram após ficarem soterrados sobre os escombros da mina, nesta última quinta-feira (23).

Sobre a hipótese de ilegalidade no funcionamento da mina, o MPT-PB declarou que ainda é cedo para afirmar, pois o procedimento investigatório foi instaurado hoje.

O Corpo de Bombeiros retirou um dos trabalhadores de uma área de difícil acesso na mina. Além do trabalhador retirado pelos bombeiros, outro homem que também trabalhava no local foi retirado por colegas. Ambos não resistiram aos ferimentos e morreram.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o resgate do corpo do desaparecido nos escombros foi feito “através de técnicas de bisca em estruturas colapsadas e o auxílio de maquinário pesado.”

“Ao chegar no local, foi constatada a informação, diagnosticado que a área ainda oferecia perigo, mas que das duas pessoas que foram atingidas diretamente, uma havia sido socorrida pelos companheiros de trabalho e a segunda estava sob o material”, informou o Corpo de Bombeiros da Paraíba.

A mina de caulim fica localizada em São José da Batalha, na zona rural do município de Salgadinho. Houve a queda de uma ‘banqueta’ de caulim sobre os trabalhadores que trabalhavam na extração do caulim.

De Olho no Cariri

Click PB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO