Mais flexível, novo decreto libera até 40% de público nos estádios de futebol em Campina Grande

 

Com os índices de contaminação, internações e óbitos da Covid-19 em queda, Campina Grande publicou um novo decreto com medidas restritivas para conter o vírus. Como já era previsto, o decreto assinado pelo prefeito Bruno Cunha Lima (PSD), está mais flexível, e libera 40% do público nos estádios de futebol. As novas diretrizes entram em vigor esta quarta-feira, e tem validade até 17 de outubro.

De acordo com o decreto, a liberação se estende para ginásios, quadras poliesportivas e demais ambientes de desenvolvimento de atividades esportivas.

Para a realização de eventos esportivos com público,será necessário manter o distanciamento social de no mínimo 1,5m ou o distanciamento mínimo de um assento entre cada pessoa nas arquibancadas, além do uso obrigatório de máscara.

Pelo novo decreto, os restaurantes, bares, lanchonetes, lojas de
conveniência, praças de alimentação e estabelecimentos similares poderão funcionar das 06h à 01h, observando-se o
percentual máximo de 50% de sua capacidade e respeitando a distância mínima de 1,0 m entre as pessoas, além da limitação máxima de 10 pessoas por mesa, ficando vedada, antes e depois deste horário, a comercialização de qualquer produto para consumo no próprio estabelecimento.
Os estabelecimentos do setor de serviços e o comércio poderão funcionar dentro do horário comercial, sem aglomeração de pessoas nas suas dependências e observando todas as normas de distanciamento social e protocolos específicos do setor.

SL
PB Agora


FALA PARAÍBA-BORGES NETO