Covid-19: Anvisa libera uso da vacina da Pfizer para crianças de 5 a 11 anos

 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu liberar a utilização da vacina da Pfizer contra a Covid-19 para a faixa etária de 5 a 11 anos, em reunião virtual nesta quinta-feira (16). O pedido para ampliação do uso do imunizante havia sido apresentado em 12 de novembro.

Uma resolução deve ser publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU) ainda nesta quinta-feira (16).

Segundo o órgão, a farmacêutica submeteu à agência os dados e os estudos de segurança que embasam o pedido de aprovação de indicação da vacina para crianças. Com base nestas informações, o pedido foi aprovado.

Durante a reunião que definiu o uso, os representantes das entidades médicas ouvidas foram favoráveis à aplicação da vacina, como a Sociedade Brasileira de Imunizações, a Sociedade Brasileira de Infectologia e a Sociedade Brasileira de Pneumologia.

Reunião da Anvisa sobre a liberação da vacina Pfizer

As entidades destacaram que os benefícios superam os riscos e que nos locais em que a imunização neste público é realizada os resultados são positivos. Além disso, os médicos salientaram que são mais de duas mil vítimas nessa faixa etária no Brasil, maior do que qualquer outra doença prevista no calendário de imunização do Sistema Único de Saúde (SUS).

Para este público, a dose recomendada é de 10 microgramas – menor do que a dose de 30 microgramas que foi usada para pessoas com 12 anos ou mais, o que exige atenção do laboratório para evitar trocas. Os médicos ouvidos pediram atenção às embalagens da vacina para diferenciar das doses destinadas a adultos, além do acompanhamento do laboratório aos resultados obtidos no Brasil.

MaisPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO