Postura bolsonarista de Queiroga é reação ao bom desempenho de João Azevêdo

 

As declarações polêmicas do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e o comportamento semelhante ao presidente Jair Bolsonaro (PL) têm um motivo, as eleições 2022 na Paraíba.

Segundo a coluna Estadão, do jornal O Estado de São Paulo, a adesão total de Queiroga ao Bolsonarismo causada pelo bom desempenho do governador João Azevêdo (Cidadania), eventual candidato à reeleição no próximo ano.

A avaliação é de aliados e adversários de Queiroga na Paraíba. Apesar de dizer que não tem como foco o pleito vindouro, Queiroga tem dados sinais que deve sim disputar a um cargo.

O nome dele é lembrado como possível representante do Bolsonarismo na disputa pela Câmara Federal. O cardiologista teve a candidatura cogitada para o Palácio da Redenção ou ao Senado Federal, mas as hipóteses são remotas.

MaisPB com Estadão 


BORGES NETO LUCENA INFORMA