Com fechamento de agências bancárias após aumento de casos de Covid-19 e gripes entre funcionários, Procon na Paraíba orienta como consumidor deve agir


 Nos últimos 10 dias, pelo menos 25 agências bancárias, situadas na Região Metropolitana de João Pessoa, tiveram que fechar as portas após funcionários testarem positivo para Covid-19 ou apresentarem sintomas gripais. Nesses casos, se o consumidor precisar efetuar algum tipo de pagamento deve ficar atento. A orientação é que se recorra aos canais virtuais (sites ou aplicativos) oficiais do próprio banco e receber esse atendimento.

De acordo com a superintendente do Procon-PB, Késsia Liliana, os bancos já oferecem alternativas para que o consumidor faça pagamentos por meios virtuais. No entanto, caso não consiga efetuar o pagamento, por exemplo, “o cliente tem que deixar registrado que está tentando pagar e não está conseguindo para que não seja cobrado nada posteriormente”.

Em conversa com o ClickPB, Késsia Liliana ressaltou que o consumidor deve sempre tentar se resguardar caso não consiga fazer um pagamento, mas que tente outras alternativas para esse tipo de serviço. Outra orientação é que, se o cliente não conseguir aquele serviço, faça prints da tela e que entre em contato com os 0800 dos bancos para comunicar que está tentando fazer o pagamento e que não está conseguindo.

Nos aplicativos e canais virtuais dos bancos já é possível encontrar diversos serviços que podem ser feitos sem necessidade de ir aos bancos. Talvez a dificuldade que pode ser encontrada nas ferramentas virtuais a solicitação de empréstimos, por exemplo, e isso, segundo comentou a superintendente do Procon-PB. Ou, além disso, a necessidade de atendimento específico com gerente. Nesses casos, o cliente não pode ser prejudicado.

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO