Contra federação de partidos, Nonato diz que modelo não vai prosperar no estado: “Parece casamento arranjado”

 

O secretário de Comunicação da Paraíba, Nonato Bandeira, voltou a si mostrar contrário a formação das federações no Brasil, onde destacou que a nova ferramenta eleitoral válida para estas eleições é pior do que as antigas coligações e chegou a denomina-la de: “Casamento arranjado”.

 Questionado como avalia a possibilidade de uma federação entre o PSDB e o Cidadania a nível nacional que se estenderia aos estados, Nonato que já presidiu o Cidadania na Paraíba comentou: “Não vai prosperar na Paraíba. O governador deixará o partido. Isso parece casamento arranjado para enganar a população”.

Segundo o auxiliar de João, os efeitos dessa possibilidade no tocante ao estado, inclusive já foi anunciada ao presidente nacional do Cidadania Roberto Freire. “A federação é pior que a coligação. O Brasil insiste em caminhar para trás, é impressionante. Nós tínhamos as coligações em que se juntavam os partidos nos estados. Agora, vem uma coisa draconiana, que vai ser uma determinação nacional, sem conhecer as realidades locais, e todos os estados terão de fazer uma aliança. A realidade local não é a mesma de Brasília”, disse.

Existe a possibilidade do Cidadania e o PSDB se unirem numa federação a nível nacional que seria válida pelos próximos quatro anos.

PB AGORA


FALA PARAÍBA-BORGES NETO