Ministério Público investiga prefeitura de Boa Ventura que teria vacinado mais pessoas do que doses recebidas contra Covid-19


 O Ministério Público da Paraíba (MPPB), por meio da 2ª Promotoria de Justiça Cumulativa de Itaporanga, instaurou um inquérito civil público para apurar irregularidades na vacinação e omissão da Prefeitura de Boa Ventura, no Sertão da Paraíba. A denúncia é de que a gestão municipal teria vacinado mais pessoas do que a quantidade de doses recebidas contra Covid-19. 

A portaria de nº 1/2º foi publicada na edição desta quarta-feira (26) e assinada pelo promotor de Justiça substituto, Renato Martins Leite como obtido pelo ClickPB. A denúncia ao Ministério Público partiu de vereadores do município Cícero Jacinto, Maria Livoneide Pinto, Edme José Pereira e Antônio Joaquim.

De acordo com a publicação do MPPB, o inquérito tem duração de um ano com o objetivo de apurar as irregularidades recebidas pelo órgão como "averiguar supostas irregularidades cometidas pela gestão do município de Boa Ventura com vistas a combater a Pandemia Covid-19" a exemplo de maior número de vacinados em relação ao quantitativo recebido. 

Confira a publicação

CLICKPB

FALA PARAÍBA-BORGS NETO