Aumenta procura de jovens pelo registro do título de eleitor na Paraíba e mais de 40 mil estão aptos a votar nas Eleições de 2022


 A procura por ter voz ativa no destino do país já mobiliza mais jovens do que nas últimas eleições presidenciais na Paraíba. Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostram que a Paraíba tem mais eleitores com 16 e 17 anos aptos a votar em 2022 do que nas eleições presidenciais de 2018. 

Em conversa com o ClickPB, nesta sexta-feira (22), o secretário de tecnologia do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), José Cassimiro Júnior, explicou que o aumento dos registros entre jovens é um fato revelado pelos dados. 

De acordo com os dados do TSE, um total com menos de 18 já chega a 40.094 jovens registrados aptos a votarem nessas eleições. Desses 2.479 com 15 anos, 13.090 com 16 anose 24.525 com 17 anos. Já nas últimas eleições presidenciais de 2018, o número registrado foi de 30.854 jovens eleitores.

Em 2022, o cadastro seguirá aberto até o dia 4 de maio, prazo máximo para o eleitor solicitar o título, transferir o domicílio eleitoral e regularizar eventuais pendências com a Justiça Eleitoral. Ao todo são mais de 3.010.060 eleitores aptos ao voto nas eleições de 02 de outubro na Paraíba.

Cassimiro ainda reforçou que diversas campanhas foram divulgadas pelo TSE nos últimos meses para reforçar a importância do exercício cidadão. "Depois da propaganda que o TSE fez, e que vários artistas repercutiram em suas redes sociais, aumentou sobremaneira a procura de jovens pelo título de eleitor", disse ao ClickPB.

Em todo o país, segundo informações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a procura de jovens pelo título de eleitor para o pleito deste ano superou as eleições de 2018 e 2014. Entre janeiro e março de 2022, o país ganhou 1.144.481 novos votantes na faixa etária de 15 a 18 anos. Nas duas últimas eleições gerais, em 2018 e 2014, foram emitidos 877.082 e 854.838 novos documentos, respectivamente.

Vale destacar que mesmo o voto sendo obrigatório apenas para quem tem a partir de 18 anos, os jovens com menor idade também podem votar e exercer suas cidadania no pleito. 

CLICKPB



FALA PARAÍBA-BROGES NETO