Corpo de bebê que sumiu em translado será enterrado hoje em Princesa Isabel


 O corpo do bebê de 10 meses, que morreu em São Paulo, e sumiu durante o translado, será enterrado na manhã desta quinta-feira (28), na cidade de Princesa Isabel, na Paraíba.  O corpo da menina chegou por volta das 3h e está sendo velado pelos familiares. 

O sepultamento está previsto para acontecer por volta das 10h, no cemitério da cidade. 

Elise Maria Rodrigues de Lima morreu vítima de uma infecção pulmonar após uma cirurgia em decorrência da síndrome de Apert. Uma campanha com a hashtag #TodosPorElise, para unir recursos que seriam utilizados no tratamento dela na capital paulista mobilizou centenas de pessoas.

Após a morte da filha, os pais realizaram os trâmites para trazer o corpo da bebê para Paraíba, onde seria sepultado. Os pais ao chegarem no Aeroporto Castro Pinto, na Grande João Pessoa, descobriram que o caixão com o corpo da filha teria sumido. 

O pai informou que o  responsável por receber o corpo da filha dele era o funcionário de uma empresa funerária, que presta assistência em casos de corpos em translado. Eles aguardavam juntos a chegada do voo, quando foram notificados do ocorrido.

A empresa investiga o que ocasionou o transtorno.