Patrick é aprovado na prova do Detran: “não existe limite para o ser humano”

 

O deputado federal Patrick Dorneles está cumprindo agendas em Natal-RN e aproveitou o momento para dar continuidade ao processo de habilitação iniciado em agosto de 2021, e concluído em dezembro. Faltando apenas o teste de direção. Hoje foi aprovado na prova do Detran-RN para tirar a carteira de habilitação e agora já pode dirigir. Ele comemorou, nesta quarta-feira (13), a aprovação: “passei de primeira, sem cometer nenhuma falta! Mais um sonho realizado”.

O parlamentar tem 25 anos e convive com uma síndrome genética rara, a Mucopolissacaridose IV-A. Estudante de Direito, ele é referência na luta pelos direitos das Pessoas com deficiência e doenças raras, graves e crônicas há mais de dez anos, trabalho este reconhecido internacionalmente pela Organização das Nações Unidas (ONU).

“Não existe limite para o ser humano. Pessoas com deficiência, acometidas por doenças raras, idosos podem tudo sim. Minha condição nunca foi impedimento para eu estudar, me trabalhar, travar lutas, representar minha amada Paraíba e as pessoas com doenças raras no congresso nacional e agora tirar a minha carteira de habilitação”, disse Patrick, primeiro deputado federal com doença rara.

A Lei nº 8.989/95 garante o direito à Carteira Nacional de Habilitação (CNH) especial a cidadãos que possuem alguma das 52 deficiências inclusas na legislação. Geralmente esse tipo de carteira de habilitação para dirigir é voltado para pessoas que têm doenças ou patologias que acometem algumas funções cognitivas ou de movimentação, mas que, mesmo assim, podem ter o seu veículo próprio e o conduzirem sozinhas.

MaisPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO