PDT critica Damião e vai reunir nacional para definir futuro de Lígia na sigla

 

O ex-deputado federal e presidente nacional do Partido Democrático Trabalhista (PDT), Carlos Lupi, se manifestou nesta segunda-feira (4) sobre a saída do deputado federal Damião Feliciano do partido. Ao Portal MaisPB, o pedetista criticou a decisão de Damião e informou também que a executiva vai se reunir para definir o futuro da legenda na Paraíba.

Na visão de Lupi, Damião foi ingrato com o partido e pensou apenas “no próprio umbigo”. O deputado federal deixou o PDT na última semana e se filiou ao União Brasil.

“Foi uma desagradável surpresa. Paciência. A política, como a vida, tem pessoas que só olham para o próprio umbigo. Quanto a doutora Lígia, vamos fazer uma reunião da nacional para decidir o que fazer”, afirmou, em contato com o MaisPB.

Após 15 anos filiado ao PDT, Damião deixou a legenda. Pelo partido, ele foi reeleito três vezes deputado federal. Após a saída, alegou que deixou a sigla por conta da mudança da legislação eleitoral.

MaisPB


BORGES NETO LUCENA INFORMA