Viúva de ciclista atropelado por carro em Santa Rita faz apelo por justiça e diz que marido deixou dois filhos

 


Elaine Maria da Silva, viúva do ciclista João Quirino Fillho, afirmou nesta segunda-feira (25) que quer justiça pela morte do marido, que foi atropelado ontem com outras quatro pessoas por um carro na rodovia PB-004, em Santa Rita. Em declaração ao programa Arapuan Verdade, da Arapuan FM, Elaine fez um desabafo e disse que João deixou dois filhos pequenos.

"O apelo que eu quero é só justiça, porque o que ele [motorista] fez não é algo que se faz com todo mundo, não. João, que trabalhava, deixou duas crianças, uma menina de 6 anos e um menino de 10. Um ótimo trabalhador e marido ele era. Eu queria que o motorista fosse preso e não se soltasse. Eu quero só justiça", declarou. 

De acordo com informações da Polícia Civil, os ciclistas partiram de Cruz do Espírito Santo e estavam em direção à cidade de Santa Rita. Segundo o perito Robson Félix, o grupo trafegava corretamente na via quando ocorreu a colisão.

O impacto fez com que a vítima fosse arremessada por 52 metros do local  da batida. O homem não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. O motorista fugiu após o acidente e não prestou socorro aos ciclistas. 

O veículo envolvido no acidente foi localizado hoje escondido na casa de um parente do proprietário no bairro Alto das Populares, em Santa Rita. A polícia segue em investigação do suspeito.

CLICKPB



FALA PARAÍBA-BORGES NETO