Em CG, advogada Gabriela Rollemberg cita ‘fake news’ como maior desafio na eleição

 

Coordenadora do III Simpósio de Direito Eleitoral, que acontece nesta quinta-feira (5), em Campina Grande, a advogada Gabriela Rollemberg elencou o combate às fake news como principal desafio nas eleições deste ano. Em entrevista à Rede Mais, ela reconheceu avanços do judiciário, mas destacou que são necessárias ações mais ágeis, além da conscientização da população.

“A gente tem vivido uma revolução tecnológica em todo mundo e não é segredo para ninguém que as fake news são um grande problema não só no Brasil, mas no mundo todo. O mundo jurídico, o poder judiciário, infelizmente não consegue responder a isso a tempo e modo para que a gente possa de fato combater”, pontuou.

Rollemberg citou que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) avançou neste tema, inclusive no diálogo com as plataformas, para estabelecer regras, implementar ferramentas de controle e de qualidade da verdade para verificação dos fatos e emissão de alertas ao cidadão.

“O principal é a auto responsabilidade do eleitor, para que a gente cheque os fatos e crie essa cultura de não confiar na primeira manchete que ler, sem ver o seu conteúdo, antes de formar seu juízo de valor”, destacou.

Ela frisou que processo eleitoral deste ano será histórico por ocorrer após dois anos de pandemia, em meio a tensionamentos e polarização política.

Durante o Simpósio os operadores do Direito terão conhecimento e serão capacitados sobre os temas mais atuais, relevantes e polêmicos que serão enfrentados nas eleições de 2022.

“É  o maior poder que a gente tem, que a nossa constituição nos garante, então que façamos isso com seriedade e consciência para avançarmos enquanto país”, concluiu.

MaisPB


BORGES NETO LCUEBA INFORMA