Homem com deficiência é agredido por funcionário de construtora, diz advogado

 

O senhor Lindemberg dos Santos está acusando funcionários da Empresa e Construtora Falcone de agressão. Imagens do sistema de câmeras segurança mostram o momento a que a vítima foi atacada no Edifício Metropolitan, em João Pessoa.

De acordo com o advogado da família da vítima, Daniel dos Santos, o ataque começou quando Lindemberg, que tem problemas de saúde mental e estava acompanhado do filho, tentou falar com o gerente responsável pelos contratos de compra e venda, que se negou em atendê-lo.

Ao insistir no contato, Lindembergh foi agredido e para se defender fugiu da sala. Alcançado, ele recebeu uma série de golpes, como socos, chutes e ponta pés desferidos por um funcionário da construtora. O advogado afirma que a vítima teve várias lesões causou por todo corpo.

Daniel Alisson informou que já tomou as medidas cíveis e criminais e que a construtora junto com seus sócios devem responder  na Justiça pelo ocorrido.

Veja vídeo 

MaisPB


BORGES NETO LUCENA INFORMA