Pacientes do Arlinda Marques, em João Pessoa, são remanejados de pronto atendimento para ambulatório após vazamento de gás

 


O Hospital Arlinda Marques, em João Pessoa, que é referência no atendimento de crianças e adolescentes, precisou remanejar os pacientes da ala de pronto atendimento para o ambulatório da instituição após o registro de um vazamento de gás. O caso aconteceu durante alguns minutos na noite desta quarta-feira (11).

Em contato com o ClickPB, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) informou que o atendimento não foi suspenso e que tomou a medida por precaução já que o gás irritava a vista das crianças. Segundo o órgão, a situação já foi normalizada e uma inspeção será realizada ainda hoje pela Vigilância Sanitária da capital e Corpo de Bombeiros para tentar identificar o problema.

"O vazamento não é dentro do hospital, é no entorno. Existe uma investigação que já está durando algum tempo e aparentemente, de acordo com os Bombeiros, é em uma galeria pluvial onde houve uma obstrução de uma rede", informou a SES.

CLICKPB



FALA PARAÍBA-BORGES NETO