Quase 300 mil títulos de eleitor são cancelados na Paraíba

 

Paraibanos impedidos de exercer a cidadania. Quase 300 mil títulos de eleitor foram cancelados na Paraíba, conforme dados foram divulgados pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB).

Ao todo, 267.549 pessoas tiveram o título cancelado, e não estão aptas para votar nas eleições de 2022. O prazo para regularização do documento acabou no último dia 4 de maio. Mas, o número de títulos cancelados na Paraíba pode aumentar, já que o processamento de dados do TRE só será concluído em 1º de junho.

Os mais de 260 mil títulos foram cancelados por vários motivos como “ausências consecutivas nas últimas três eleições: 43.319 títulos de eleitor cancelados”, e “falta na revisão de eleitorado (procedimento em que Tribunais Regionais Eleitorais convocam os eleitores para que compareçam pessoalmente ao cartório eleitoral para verificar a regularidade de sua inscrição eleitoral.

Na Paraíba quase 500 mil eleitores estavam com o título cancelado e precisaram regularizar a situação, na última semana do prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral.

Neste ano, o pleito é destinado para as eleições de presidente, governador, senadores e deputados estaduais e federais. O primeiro turno das eleições 2022 está marcado para o dia 2 de outubro. A biometria não será exigida para os eleitores que ainda não fizeram o cadastro biométrico. Este ano os eleitores da Paraíba vão às urnas para eleger o governador; um senador, o Presidente da República, 12 deputados federais e 36 deputados estaduais. A Paraíba tem quase 3,5 milhões de eleitores aptos a votar nas eleições deste ano, conforme dados do TRE-PB.

Redação

BORGES NETO LUCENA INFORMA