Secretário da PMJP diz que Cícero é aliado de Aguinaldo e João na mesma proporção e prevê casamento entre PSB e PP próximo

 


secretário de Gestão Governamental e Articulação Política da Prefeitura de João Pessoa, Diego Tavares,  afirmou, durante entrevista nesta terça-feira (31), que o prefeito Cícero Lucena (Progressistas) é aliado do deputado federal Aguinaldo Ribeiro (Progressistas) e do governador João Azevêdo (PSB) na mesma proporção, sendo 50% para um lado e 50% para outro e que acredita que o casamento entre os dois partidos para as eleições desse ano está próximo de acontecer.

De forma objetiva vou responder: Cícero é aliado de João e de Aguinaldo de maneira igual– ele é tão aliado de um quanto de outro, 50 a 50. Quem conhece Cicero sabe o politico que é, ele age de forma transparente nas suas posições e na forma de articular e gerir politicamente e é dessa maneira que ele tem dialogado tanto com o deputado Aguinaldo como também na relação dessa parceria com o Cidadania hoje PSB – então essa questão de muita correção nesse aspecto”, pontuou.

Quando questionado se na hipótese de um racha com quem então Cícero ficaria, Diego driblou a resposta: “ A resposta é pessoal do próprio prefeito, eu como secretário não posso responder”, pontuou.

Apesar do drible, Diego comparou o atual momento da articulação política a um casamento, com conversas, diálogos, para que a parceria seja oficializada de forma sincera e transparente.

“Costumo comparar esse momento a um casamento, falando do Progressistas o que se sabe é que está se conversando, se dialogando para que o casamento aconteça de forma sincera e transparente e não àqueles casamentos políticos que a gente acontece muito apenas de bater foto e quando chega à campanha fica um puxando o tapete do outro. Então, estamos falando de pessoas experiências, maduras politicamente e com objetivo de trazer o melhor para a população e para isso deve-se ter uma visão muito madura e no momento certo estará sendo definido. O tempo certo de amadurecimento chegará para que possamos ter uma decisão definitiva”, emendou.

As declarações do secretário repercutiram em entrevista ao programa Arapuan Verdade.

 

PB Agora



FALA PARAÍBA-BORGES NETO