João diz que nota do Republicanos foi “infeliz”e assegura diálogo com o partido

 

O governador João Azevêdo (PSB) reagiu nesta sexta-feira (17) à nota divulgada ontem pelo Republicanos, onde o partido diz que não admite ser “punido” por ser leal. O texto foi uma referência ao movimento do deputado Aguinaldo Ribeiro (PP) em disputar a reeleição e anunciar que o Progressistas indicará o vice do gestor.

“Eu falo com o Republicanos três vezes por semana. Se isso não é diálogo, eu não sei o que é. A nota foi infeliz quando falam que não podem ser punidos por ser leais. Não existe punição. Não sei o que tentaram dizer com aquela nota”, afirmou Azevêdo durante agenda no Brejo.

João afirmou que apesar do estremecimento na relação com o partido de Hugo Motta, não há preocupação. “Eu sei da relação que tenho com Republicanos e eles sabem como são parceiros com o governo. Não tem nada de estranho nessa relação”, disse.

MaisPB


BORGES NET O LUCENA INFORMQA