Queiroga minimiza críticas à atuação do filho na campanha rumo à Câmara: “Basta que saibam discernir o joio do trigo”

 

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga está em João Pessoa onde participa de evento sobre a cobertura vacinal e na ocasião, foi questionado pela imprensa sobre o fato do filho estar atuando, mesmo estando concorrendo a uma vaga na Câmara Federal, junto a prefeitos paraibanos como um ‘porta-voz’ do governo federal, conduta que seria vetada pela Justiça Eleitoral.

Queiroga não se mostrou contente com o questionamento e disse que o que podia fazer pelo filho foi ter dado a vida e educação, agora ele coloca seu nome para ser apreciado pelos paraibanos e que ele não terá participação na campanha.

De acordo com Queiroga os eleitores estariam acostumados com outro tipo de político, que se aproveitam de cargos para se promover, mas que ele não é assim e nem fará desta forma com a campanha do filho.

“Ele vai oferecer o nome dele à sociedade brasileira. Vocês estão acostumado com outro tipo de político, que não sou eu… Aí você pergunta como vou participar? Eu não preciso participar. Basta só que as pessoas saibam discernir o joio de trigo” argumentou.

PB AGORGA



FALA PARAÍBA-BORGES NETO