Após fala de Bolsonaro, Bruno Roberto pede a retirada de candidatura de Sérgio Queiroz ao Senado: "quem tem que se unir é ele"

 


O candidato ao Senado pela Paraíba, Bruno Roberto (PL) pediu a retirada de candidatura de Sergio Queiroz (PRTB) que é um de seus adversários na disputa eleitoral desse ano. Como apurou o ClickPB, o empresário disse  que o pastor teria que se unir com a direita. 

"Quem tem que se unir ao projeto do presidente são os demais. Nós já estamos unidos nesse projeto, no momento em que estamos cumprindo a missão que o próprio presidente nos deu aqui na Paraíba", afirmou em entrevista ao programa Arapuan Verdade, nesta quinta-feira (8).

A ideia que Bruno Roberto (PL) deveria desistir de disputar uma vaga no senado Federal nas eleições de outubro tinha sido sugerida por Sérgio Queiroz, após Bruno se ausentar do último debate com os candidatos a senador na TV aberta.

O pai de Bruno Roberto, o deputado federal e presidente do PL, Wellington Roberto,  negou a desistência de Bruno Roberto (PL). Ele ainda desmentiu que haja uma crise no partido e ainda ameaçou de processo quem divulgar esse tipo de informação. 

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO