Prefeitura investiga ameaça de massacre em escola pública no Agreste; polícia é acionada

 

A Prefeitura de Areial, no Agreste do Estado, está investigando uma ameaça de massacre na Escola Municipal de Ensino Fundamental Geraldo Luiz de Araújo. Desde ontem, circularam informações em grupos de WhatsApp de que poderia haver um ataque à unidade de ensino às 8h de hoje.

Procurada pela reportagem do Portal MaisPB, a gestão municipal informou que está acompanhando o caso e já acionou os órgãos de investigação, a exemplo da Polícia Civil, para descobrir de onde partiram as ameaças.

Apesar do medo por parte dos demais alunos, a Secretaria de Educação de Areial decidiu manter as aulas normalmente. Viaturas estão no entorno da instituição para evitar qualquer ocorrência. Em nota, a pasta reforçou que todas as medidas necessárias foram tomadas. A comunidade escolar pediu que os pais e responsáveis “não privem seus filhos de participar das aulas”.

“Todas as medidas que esta instituição deveria tomar foram realizadas da forma mais responsável possível, como chamar os alunos que tiveram seus nomes citados para esclarecerem os fatos, convocar os pais dos mesmos, comunicar ao Conselho Tutelar que, juntamente com a escola, procurou outros órgãos competentes e capazes de garantir a segurança e a integridade de todos da escola”, diz o texto.

“Entendemos a preocupação e a aflição de cada um e reforçamos que, o que estiver ao nosso alcance e ao dos órgãos parceiros, tudo será esclarecido e resolvido o mais rápido possível”.

MaisPB


BORGES NETO LUCENA IFNORMA