Vingança? Bolsonaro corta verba e deixa quase 2 milhões de nordestinos sem água potável


 Após a eleição, o governo Bolsonaro resolveu cortar a verba da água potável da operação Carro-Pipa no semiárido, prejudicando 1,6 milhão de pessoas no Nordeste

A operação Carro-Pipa leva água potável às famílias no semiárido nordestino há 20 anos.

A operação Carro-Pipa é financiada com recursos do Exército Brasileiro em parceria com o MDR (Ministério do Desenvolvimento Regional).

Com informações do UOL

PORTAL DO LITORAL



FALA PARAÍBA-BORGES NETO