Mais de 64% dos paraibanos vão gastar, em média, R$ 199 em presentes neste Natal; vestuário é o item mais procurado

 

Cerca de 64,54% dos consumidores paraibanos manifestaram o desejo de comprar presentes neste final de ano. O dado é 2,41 pontos percentuais superior aos que tinham intenção de comprar no Natal de 2021. Os presentes preferidos neste Natal, assim como nos anos anteriores, serão as peças de vestuário, indicadas por 56,34% dos entrevistados. 

Os brinquedos aparecem em segundo lugar com 18,78%. Em seguida, aparecem calçados (14,55%), perfumes (8,92%) e eletrodomésticos e eletroeletrônicos (8,45%). Desta categoria, o mais citado foi smartphone/celular (38,89%). A pesquisa foi realizada pelo Instituto de Planejamento, Estatística e Desenvolvimento da Paraíba (INDEP) da Fecomércio Paraíba.

“A perspectiva é que haverá um crescimento nas vendas de cerca de 7,5% em relação ao mesmo período do ano passado. Isto porque devemos somar as vendas da Black Friday com as da Copa do Mundo, que vai aumentar a procura por eletrodomésticos, especialmente televisores. E, além disso, as vendas do Natal, que é a melhor época para o comércio. Sintetizando, podemos dizer que teremos o melhor final de ano dos últimos tempos”, comemorou o presidente da Fecomércio Paraíba, José Marconi Medeiros.

O levantamento mostrou que, por mais um ano, os filhos serão os que mais receberão presentes, indicados por 38,07% dos consumidores, seguidos pelos namorados ou cônjuges (30,99%), mãe (24,88%) e compras pessoais (23,47%). 

Outro dado importante é saber quanto o consumidor gastará, em média, com as compras de fim de ano que, neste ano, será de, aproximadamente, R$199,80, valor um pouco superior ao do ano passado (R$198,80). A maioria dos entrevistados (39,44%) pretende comprar presentes de até R$100,00, enquanto 30,52% dos consumidores afirmaram que darão presentes entre R$101,00 e R$250,00. Já os que pretendem gastar acima de R$800 totalizam 4,23%. Na análise por sexo, os homens serão mais generosos e pretendem gastar, em média, R$212,03. Já as mulheres devem ter um gasto médio de R$189,28. 

CLICKPB


BORGES NETO LUCENA INFORMA