quinta-feira, 14 de março de 2019

CRF-PB nega irregularidades investigadas pelo MPF e confirma reunião para esclarecer situação


Após a instauração de um inquérito civil pelo Ministério Público Federal na Paraíba (MPF-PB) para investigar irregularidades no Conselho Regional de Farmácia da Paraíba (CRF-PB), a entidade emitiu uma nota de esclarecimento nesta quarta-feira (13). De acordo com a nota, a presidente do CRF-PB, Cila Gadelha, esteve no MPF nesta quarta-feira.
A presidente confirmou ainda que se reunirá no dia 27 de março com o Procurador da República, Yordan Moreira Delgado, para esclarecer as dúvidas que venham a existir sobre a situação identificada na cidade de Patos.
Segundo informou o CRF-PB, o MPF realizou uma consulta ao Portal da Transparência e confirmou a inserção de dados e disponibilização das informações ao público externo.
NOTA DE ESCLARECIMENTO
Após consulta ao portal da transparência do CRF-PB, MPF atesta cumprimento da Lei
O MPF-PB Ministério Público Federal no Estado da Paraíba, por meio de Despacho (Notícia de Fato nº1.24.000001061/2018-34), datado de 11 de março de 2019, atesta que, após consulta realizada ao Portal da Transparência do Conselho Regional de Farmácia da Paraíba CRF-PB, confirma a inserção de dados e disponibilização das informações ao público externo, conforme preconiza a Lei Federal Nº12.527/2011.
No despacho do MPF, o Procurador da República, Dr. Yordan Moreira Delgado, diz que “em nova consulta realizada no dia 11/03/2019 nesta Procuradoria da República, logrou-se confirmar a inserção dos dados e disponibilização das informações ao público externo”.
O que diz o CRF-PB
De acordo com a presidente do Conselho Regional de Farmácia da Paraíba CRF-PB, Cila Gadelha, as ações da instituição sempre foram pautadas pela transparência e acessível a todos, seja da classe farmacêutica, como ao público em geral.
“A nossa gestão sempre foi aberta e, inclusive, nunca tivemos uma só conta reprovada. Somos auditados pelo Conselho Federal de Farmácia (CFF) e TCU – Tribunal de Contas da União. A transparência sempre foi uma marca da nossa gestão”, destacou Cila Gadelha.
Fiscalização do CRF-PB em Patos
No despacho do MPF sobre a fiscalização do exercício da profissão no município de Patos, o Procurador da República, Dr. Yordan Moreira Delgado, diz o seguinte: “considerando a informação de que o município de Patos possui muito mais estabelecimentos de saúde do que aqueles informados pelo CRF-PB notifique-se a Presidente do Conselho Regional de Farmácia da Paraíba a fim de que compareça à Procuradoria da República para participar de reunião visando esclarecer a atuação e fiscalização do CRF-PB nos estabelecimentos de saúde pública do município de Patos, cadastrados no site CNES – Cadastro Nacional dos Estabelecimentos de Saúde”.
No tocante a este ponto específico (Patos), a presidente do CRF-PB, Cila Gadelha, compareceu nesta quarta-feira (13) ao MPF-PB e confirma presença na Procuradoria, para reunião no próximo dia 27 de março, às 15h, com o Exmo. Procurador da República, Dr. Yordan Moreira Delgado, a fim de que possa esclarecer todas as dúvidas que venham a existir.
CLICKPB


BORGES NETO LUCENA INFORMA

Nenhum comentário:
Write comentários

BORGES NETO LUCENA INFORMA

Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter