Confira detalhes sobre a Copa América 2019, que começa nesta sexta


Começa, nesta sexta-feira(14), a 46ª edição da Copa América, que pela quintavez será realizada no Brasil. Todas as vezes que sediou essa competição, o Brasil foi campeão (1919, 1922, 1949 e 1989).
Estarão em campo, nove títulos mundiais, sendo cinco do Brasil, dois da Argentina e dois do Uruguai.  Serão 24 dias de competição com 276 jogadores e 46 árbitros em 26 jogos.
O palco da abertura da Copa América 2019 é o estádio do Morumbi, em São Paulo.

Tabela da Copa América

A competição começa no dia 14 de junho e termina no dia 7 de julho. Veja a tabela.

Cidades-sedes

Porto Alegre (RS), São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG) e Salvador (BA).

Os estádios

Arena do Grêmio (RS), Arena Corinthians e Estádio do Morumbi (SP), Estádio Maracanã (RJ), Estádio Mineirão (MG) e Arena Fonte Nova (BA).

Participantes

Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela, da América do Sul; e dois convidados da Ásia, Catar e Japão.

Como é a disputa

Fase de grupos:
As 12 seleções foram divididas igualmente em três grupos por meio de sorteio. Os três campeões do mundo (Brasil, Argentina e Uruguai) são cabeças de chave.
Grupo A – Brasil, Bolívia, Venezuela e Peru
Grupo B – Argentina, Colômbia, Paraguai e Catar
Grupo C – Uruguai, Equador, Japão e Chile
Todos jogam contra todos dentro do próprio grupo.
Cada equipe tem garantida a disputa de três jogos.
Na terceira rodada de cada grupo, os jogos serão no mesmo horário.
Quartas de final:
Classificam-se para essa fase, as duas primeiras colocadas de cada grupo, num total de seis seleções, e também as duas melhores terceiro colocadas, totalizando oito equipes.
A classificação em cada grupo é determinada pelos seguintes critérios:
  1. Maior número de pontos nos jogos dentro do respectivo grupo;
  2. Maior saldo de gols nos jogos do grupo;
  3. Maior número de gols marcados nos jogos dentro do grupo;
  4. Maior número de pontos nos jogos entre as seleções ainda empatadas;
  5. Maior saldo de gols nos jogos entre as seleções ainda empatadas;
  6. Maior número de gols nos jogos entre as equipes ainda empatadas;
  7. Maior número de pontos por esportividade (cartões)
    Cartões: primeiro amarelo -1 ponto
    Segundo amarelo/vermelho automático -3 pontos
    Vermelho direto -4 pontos
    Amarelo e vermelho direto -5 pontos
  8. Sorteio a ser realizado pela Conmebol
Ordem dos jogos:
Em caso de empate nos 90 minutos, a decisão será nos pênaltis.
Jogo 19 –  1º A x 3º B ou 3º C
Jogo 20 –  1º B x 2º C
Jogo 21 –  2º A x 2º B
Jogo 22 – 1º C x 3º A ou 3º B
Semifinais
Os quatro ganhadores das quartas de final jogarão as semifinais da seguinte forma:
Jogo 23 – Ganhador do jogo 19 x Ganhador do jogo 21
Jogo 24 – Ganhador do jogo 20 x Ganhador do jogo 22
Disputa de terceiro lugar
Jogo 25 – Perdedor do jogo 23 x Perdedor do jogo 24
Final
Jogo 26 – Vencedor do jogo 23 x Vencedor do jogo 24
Se a partida terminar em empate nos 90 minutos das fases semifinais, terceiro lugar e final, será realizada uma prorrogação de 30 minutos; e persistindo o empate, a decisão será nos pênaltis.

Como surgiu a Copa América

A Copa América é a mais antiga competição de futebol de seleções do mundo. Sua primeira edição foi entre 2 e 17 de julho de 1916. Dirigentes argentinos sugeriram a realização de um torneio entre seleções da América do Sul como parte das comemorações do centenário da independência da Argentina. Além do país anfitrião, Chile, Uruguai e Brasil também participaram.
Até 1967, o torneio era chamado de Campeonato Sul-americano de seleções. Na primeira edição, o Uruguai foi o campeão. A partir de 1975, em sua 30ª edição, o torneio passou a ser chamado oficialmente de Copa América.

Seleções convidadas

Desde 1993, a Confederação Sul-americana de Futebol (Conmebol) começou a convidar seleções de fora da América do Sul para participar da Copa América. Os primeiros foram os Estados Unidos e o México. Em 2016, a Copa América Centenário teve, excepcionalmente, seis equipes convidadas: Costa Rica, Estados Unidos (anfitrião), Haiti, Jamaica, México e Panamá.
19 países já disputaram a Copa América
10 seleções filiadas à Conmebol: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.
7 seleções filiadas à Confederação de Futebol da América do Norte, Central e Caribe (Concacaf): Costa Rica (1997, 2001, 2004, 2011 e 2016), Estados Unidos (1993, 1995, 2007 e 2016), Haiti (2016),
Honduras (2001), Jamaica (2015 e 2016), México (1993, 1995, 1997, 1999, 2001, 2004, 2007, 2011, 2015 e 2016) e Panamá (2016).
2 seleções filiadas à Confederação Asiática de Futebol (AFC): Japão (1999) e Catar (2019).

Curiosidades

Equador e Venezuela nunca venceram a Copa América.
Maior vitória: Argentina 12 a 0 Equador – (Uruguai, 1942).
Maior número de gols em todas as edições: Argentina com 455 gols.
Maior número de gols em uma única edição: Brasil com 46 gols (Brasil, 1949).
Artilheiro: Norberto Méndez (Argentina, 3 edições) e Zizinho (Brasil, 6 edições) -17 gols.
Maior número de gols em uma única edição: Jair da Rosa Pinto (Brasil, 1949), Humberto Maschio (Argentina, 1957) e Javier Ambrois (Uruguai, 1957) – 9 gols.
País com o maior número de títulos: Uruguai com 15 títulos.

Países-sede da Copa América

Argentina – 9 vezes  
Uruguai – 7 vezes
Chile – 7 vezes
Peru – 6 vezes
BRASIL – 5 vezes
Equador – 4 vezes
Vários Sedes – 3 vezes
 Bolívia – 2 vezes
Paraguai – 1 vez
Colômbia – 1 vez
Venezuela – 1 vez
Estados Unidos -1 vezes

Títulos conquistados

Uruguai possui 15 títulos
Argentina possui 14 títulos
Brasil possui 8 títulos
Paraguai possui 2 títulos
Peru possui 2 títulos
Chile possui 2 títulos
Colômbia possui 1 título
Bolívia possui 1 título

Brasil na Copa América

Campeão oito vezes: 1919, 1922, 1949, 1989, 1997, 1999, 2004 e 2007
Vice-Campeão 11 vezes: 1921, 1925, 1937, 1945, 1946, 1953, 1957, 1959, 1983, 1991 e 1995
Das 45 edições, o Brasil participou de 35. Fez 178 jogos, venceu 99, empatou 35 e perdeu 44. Marcou 405 gols e sofreu 200.

Agência Brasil

BORGES NETO LUCENA INFORMA

Comentários