Mais de 2.600 artistas e agentes culturais solicitam auxílio emergencial durante pandemia na Paraíba


 Durante o período de pandemia, os trabalhadores que dependem da arte para viver foram os que mais sofreram com as medidas de isolamento social que foram decretadas. Segundo informações obtidas pelo ClickPB, só na Paraíba mais de 2.600 artistas e agentes culturais solicitaram o auxílio emergencial.

De acordo com Pedro Santos, vice-presidente da Funesc e coordenador da Lei Aldir Blanc na Paraíba, o pagamento ainda será iniciado e se estenderá até dezembro quando se encerra o repasse do auxílio. "O repasse do valor do auxílio está sendo analisado e a previsão do início de pagamento é entre a última semana de outubro e a primeira semana se novembro", explicou.

Ainda segundo ele, o pagamento funcionará da seguinte forma: em parcela única, em caráter retroativo, referente aos meses de junho, julho e agosto de 2020, no valor de R$ 1.800,00II - e em 04 parcelas sucessivas, referente aos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro de 2020, no valor de R$ 300,00, em consonância com o § 3º do art. 2º do Decreto Federal nº 10.464, de 17 de agosto de 2020 e a Medida Provisória nº 1.000, de 2 de setembro de 2020.

Ao todo, cada agente cultural que tiver a solicitação do auxílio aprovada receberá um total de R$ 3 mil.

CLICKPB



FALA PARAÍBA-BORGES NETO