Representante de escolas privadas de João Pessoa se preocupa com suspensão das aulas presenciais, mas acredita que será por pouco tempo


 O presidente do Sindicato das Escolas Particulares de João Pessoa, Odésio Medeiros, afirmou ao ClickPB estar bastante preocupado com a decisão da prefeitura de fechar novamente as escolas da Capital a partir da próxima quarta-feira (25).

"Vamos intensificar as aulas de forma on line até segunda ordem. Acreditamos que seja por pouco tempo, pois o corona está sob controle'', disse Odésio. Ele afirmou também que nenhum caso de covid-19 foi identificado em escolas durante o período em que ocorreram aulas presenciais.

O retorno às aulas presenciais foi liberado pela prefeitura para faculdades privadas e ensino médio no início do mês de outubro. Enquanto as faculdades e universidades tiveram autorização para retomar as aulas a partir do dia 5, no ensino médio o retorno foi gradual, com os alunos do 3º ano voltando no dia 13, os do 2º ano no dia 19, e os do 1º ano no dia 26. 

Conforme matéria publicada pelo ClickPB, até o dia 22 de outubroapenas 22% dos alunos haviam retornado às salas de aula, pois muitos preferiram aguardar a chegada da vacina contra a covid-19 para retomar as atividades presenciais.

Menos de dois meses depois da primeira liberação, a prefeitura voltou atrás da decisão a pedido do Ministério Público Federal e do Ministério Público do Trabalho. A decisão do acordo considerou as informações prestadas pelos representantes das secretarias de Saúde Estadual e Municipal de João Pessoa e do Conselho Regional de Medicina (CRM), que constataram uma alta no número de casos de covid-19 na última semana epidemiológica.

As atividades educacionais envolvendo concentração de alunos em ambiente fechado têm alto risco de propagação do coronavírus, e são consideradas como um dos fatores causadores das novas ondas de disseminação da doença em outros países.

CLICKPB



FALA PARAÍBA-BORGES NETO