Cantor Ubirany do grupo Fundo de Quintal morre de Covid-19 no Rio de Janeiro

 

O cantor Ubirany Félix Do Nascimento do grupo Fundo de Quintal, morreu de Covid-19 nesta sexta-feira no Rio (11) em um hospital do Rio de Janeiro. Ele tinha 80 anos.

Ubirany foi o responsável por introduzir o repique de mão no mundo do samba, instrumento que deu identificação ao Fundo de Quintal, conjunto que ajudou a fundar na década de 1970.

O grupo divulgou uma nota lamentando o falecimento do integrante.

Em abril, o cantor Sereno, também integrante do grupo, foi diagnosticado com coronavírus. Segundo comunicado divulgado na página oficial do Fundo de Quintal, ele não chegou a ser hospitalizado.

Ubirany, integrante do Fundo de Quintal — Foto: Reprodução/TV Globo

Grupo ‘nasceu em quintal’

O grupo Fundo de Quintal nasceu na casa da cantora Elza Soares, em Jacarepaguá. O quintal da Elza deu nome ao grupo, que é um dos mais importante da história do samba.

A nova geração toda de sambistas e pagodeiros tem influência do Fundo de Quintal e tudo começou no Cacique de Ramos. Beth Carvalho conheceu o pessoal em 1977, ainda amadores, e deu aquele empurrão na carreira do grupo.

Em 2018, o grupo lançou um DVD para comemorar a longa carreira.

Nota do grupo Fundo de Quintal:

"É com grande lamento que o grupo Fundo de Quintal, por meio de sua assessoria de imprensa, vem a público informar o falecimento, na manhã desta sexta-feira (11), de Ubirany Félix do Nascimento, o 'nosso querido' Ubirany, aos 80 anos de idade.

O sambista estava internado no hospital por complicações decorrentes de sua contaminação por Covid-19.

A assessoria informará, posteriormente, questões sobre velório e sepultamento do sambista. Pedimos respeito ao luto de amigos e familiares, que se manifestarão em momento oportuno e espontâneo".

CLICKPB


BORGES NETO LUCENA INFORMA