Mulher morre em ataque de tubarão na ilha de San Martin, no Caribe

 

Uma mulher de 39 anos morreu após um ataque de tubarão na ilha de San Martin no Caribe, informaram as autoridades locais nesta sexta-feira (11). A guarda-costeira proibiu o banho de mar e a prática de esportes aquáticos pelas próximas 48 horas.

A mulher, que não teve seu nome divulgado, era estrangeira e passava um período sabático na ilha. Ela nadava a cerca de 150 metros da Baía Oriental, área bastante turística, quando começou a gritar por ajuda, disse Mikael Doré, secretário-geral da prefeitura.

Duas pessoas, entre elas um instrutor de kite surf que trabalhava no local, entraram em um barco para tentar resgatá-la – eles a encontraram flutuando, já inconsciente, com graves ferimentos na perna e perdendo muito sangue, segundo relataram à guarda-costeira.

Ela chegou a receber atendimento médico, mas acabou morrendo.

Os ataques de tubarão são extremamente raros nas costas de San Martin, uma ilha caribenha que se divide entre um lado francês e outro holandês. O último caso registrado no território aconteceu em 1995.

CLICKPB


BORGES NETO LUCENA INFORMA