Secretaria de João Pessoa realiza recadastramento de comerciantes; veja detalhes

 

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano de João Pessoa (Sedurb) deu início ao recadastramento de comerciantes que atuam no Shopping 4&400, no Varadouro. Equipes estiveram no local e atualizaram os dados dos permissionários. A ação, que começou nesta segunda-feira (12), segundo o secretário Fábio Carneiro, acontece habitualmente e tem por objetivo impedir o uso irregular do espaço.

Fábio Carneiro disse que a Sedurb recebeu denúncias de que alguns ambulantes estariam comercializando seus produtos na rua e em outros locais da cidade, apesar de estarem estabelecidos no shopping. Ele explicou que o recadastramento vai identificar em quais locais os comerciantes estão realmente exercendo suas atividades ou se esses pontos são sublocados, o que é proibido pela Legislação Municipal. “Demos início a esse trabalho em outros locais, como é o caso do Shopping Terceirão, e agora no 4&400, para que tenhamos uma melhor organização desses espaços, beneficiando assim comerciantes e consumidores”, destacou.

O diretor de Serviços Urbanos da Sedurb, José Carlos Rodrigues, disse que caso sejam identificadas possíveis irregularidades, o comerciante será notificado e terá que regularizar a situação na Divisão de Abastecimento e Alimentos (DIAAL), localizada no prédio da Central de Comercialização da Agricultura Familiar (Cecaf), no José Américo, das 8h às 14h.

Para tanto, é necessário realizar agendamento para o atendimento prévio através do telefone 3218-9062, devido às regras do decreto municipal para evitar possível disseminação do Coronavírus. “Esse trabalho é muito importante, pois nos dará um diagnóstico de como esses espaços estão sendo utilizados. Vamos continuar vigilantes para prestarmos o melhor serviço à população”, disse.

Como denunciar – A Sedurb mantém um canal direto com a população para o recebimento de denúncias, através do telefone 3264-1484. As demandas são encaminhadas para as equipes de fiscalização averiguarem possíveis irregularidades e burlas à Legislação Municipal.

PARAÍBA.COM

BORGES NETO LUCENA INFORMA