​Campanha para coleta de DNA de parentes de pessoas desaparecidas começa dia 14 na Paraíba

 

A Polícia Federal na Paraíba iniciará, na próxima segunda-feira (14), em cinco unidades, a coleta de DNA dos familiares de pessoas desaparecidas para inclusão no Banco de Perfis Genéticos. Na Paraíba, as coletas serão feitas, das 8h às 17h, nas unidades do Instituto de Polícia Científica da Paraíba em João Pessoa, Campina Grande, Patos, Guarabira e Cajazeiras que serão pontos de coleta de material genético, entre os dias 14 e 18. 

Segundo informações obtidas pelo ClickPB, a ação faz parte de um projeto nacional que tem por objetivo à inserção do material genético no Banco para confronto com as amostras de corpos não identificados ou ossadas. 

Os dados irão integrar uma rede nacional, e vai ajudar a identificar quando um corpo for encontrado em qualquer estado da Federação e seus parentes realizarem as coletas na Paraíba, por exemplo, o Banco vai apontar a confirmação do parentesco, ajudando a localizar as famílias dos corpos que a polícia não tem indício de identificação.

 A campanha nacional, é promovida pelo Ministério da Justiça, para ajudar nas amostras de DNA de pessoas que possuem familiares desaparecidos. 

Outros detalhes da campanha também podem ser esclarecidos pelo laboratório de DNA do IPC/PB, através do número (83) 3216-9650. 

CLICKPB


BORGES NEO LUCENA INFORMA