Jovem é colocado de joelhos e executado em Santa Rita; família desconfia de agiota

 

Um jovem de 24 anos foi morto na manhã deste sábado (10), no município de Santa Rita, região Metropolitana de João Pessoa. A polícia acredita que foi uma execução, já que pela posição que o ele foi encontrado, teria sido colocado de joelhos e morto.

A vítima era casada e tinha uma filha de pouco mais de um ano. A família contou que ele havia saído de casa para trabalhar em um depósito e que não tinha envolvimento com drogas ou ilícitos, mas que devia dinheiro a um agiota.

A polícia realizava rondas pela região quando avistou o corpo. As investigações continuam e até a publicação desta matéria ainda não havia informações a respeito da autoria do crime.


Marília Domingues/Deyse Ponciano


BORGES NETO LUCENA INFORMA