Secretário diz que efeito da vacinação é visto na redução da ocupação dos leitos, mas alerta para variante Delta



 O secretário de Estado da Saúde, da Paraíba, Geraldo Medeiros, comentou em entrevista ao Sistema Arapuan de Comunicação, nesta quarta-feira (21), que já é notório o resultado da vacinação na redução da ocupação de leitos. “Temos observado uma ocupação hospitalar de 36% na Região Metropolitana de João Pessoa, Campina Grande 41% e no Sertão, 44%. Além disso, também temos um uma redução do número de óbitos e casos diários”, disse.

Apesar das boas notícias, o secretário lembrou que já existe a previsão de circulação comunitária da variante Delta no Brasil e que ela tem um potencial maior de transmissibilidade. De acordo com Medeiros, estudos demonstram que é pequena a diminuição da proteção das pessoas vacinadas contra a variante Delta. “Ela tende a contaminar as pessoas que já foram vacinadas, mas com casos leves”, admitiu. Por este motivo, o secretário ressaltou que é necessário manter os cuidados de higiene, como uso de máscara, distanciamento social e evitar aglomerações.

Já temos 2,3 milhões de vacinados com dose única, primeira ou duas doses, mas ainda não é o momento de vacilar nas medidas de proteção. “Observamos o Reino Unido, Israel, Chile e alguns estados dos Estados Unidos. O libera geral, jogar máscara fora é suicídio coletivo. Temos que manter os meios de prevenção, para podermos voltar ao normal a partir de janeiro”, disse.