Mulher assassinada a tiros na PB conheceu namorado pela internet; suspeito está foragido

 

Uma mulher foi morta com cinco tiros no município de Bonito de Santa Fé, no Sertão do estado. A polícia ainda procura o suspeito pelo crime que, de acordo com as investigações, teria conhecido a vítima pela internet.

Marilene Monteiro, 52 anos, morava em São Paulo quando conheceu suposto acusado, um homem de 56 anos pela internet. Em contato com o filho da vítima, um adolescente de 16 anos, antes mesmo de chegar à Paraíba, a mulher transferiu R$ 15 mil para a reforma da casa onde morou com o namorado por apenas quinze dias. Ainda com base em informações repassadas pelo adolescente, com poucos dias morando juntos, o homem mandou que Marilene deixasse sua casa e comprou uma residência no valor de R$ 8 mil pra ela morar.

Dias após começar a morar sozinha, Marilene foi procurada novamente pelo ex-namorado, que, ainda segundo o jovem, se disse arrependido e pediu para reatar a relação. O adolescente afirmou ainda nunca ter presenciados atos de agressão física, porém, eram comum as violências verbais.

Após uma festa no último final de semana, o casal discutiu e o acusado atirou cinco vezes contra a companheira. O adolescente também foi atingido por um tiro quando tentava ajudar a mãe.

Antes da fuga, o suspeito trancou mãe e filhos dentro da casa. Ambos foram socorridos por vizinhos, mas Marilene não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu.

Foragido, de acordo com a polícia, o homem já possui passagem pela Justiça por agressão contra mulher.

PB Agora


BORGES NETO LUCENA INFORMA