Em sessão ordinária, vereadores aprovam Projeto do Executivo que reconhece São João do Cariri como a ‘Cidade da Fé’

 

A Câmara Municipal de São João do Cariri realizou na noite desta sexta-feira(12), mais uma sessão ordinária que novamente foi marcada pela produtividade dos parlamentares e pela aprovação de importantes proposituras.

Nos requerimentos colocados em pauta e aprovados por unanimidade, foi destaque a do parlamentar Francisco Júnior que solicitou ao prefeito municipal, a construção de um galpão para que seja realizado a separação dos resíduos sólidos (lixo), antes que venha a ser recolhido pelo carro coletor e ser levado para o aterro sanitário.

Outra propositura bastante importante e apresentada durante a sessão foi a do vereador Chicão Medeiros, que solicitou a Secretária Municipal de Saúde, Elian Antonino, para que a mesma possa designar as equipes de vacinação para que possam aplicar as doses de vacina contra a covid nas comunidades rurais e em especial no Distrito de Malhada da Roça. O parlamentar ainda apresentou outro requerimento solicitando ao Executivo a construção de mata-burros no Sítio Arara e demais comunidades rurais do município.

Já o vereador Romero Cavalcante solicitou a Mesa Diretora, para que possa endereçar convite ao Gerente Regional da Cagepa, Lucilio José dos Santos Vieira, para que o mesmo possa vir participar da audiência pública que será realizada na próxima sexta-feira, dia 19, no Distrito de Malhada da Roça, onde será tratado sobre a inclusão da comunidade da Malhada da Roça e de São Joãozinho e adjacências no Ramal do Curimataú do Sistema Adutor da TransParaiba. Romero ainda apresentou outro requerimento solicitando ao Executivo, a construção de uma Academia Pública e a revitalização do parque infantil do Distrito de Malhada da Roça.

Na ordem do dia, dois importantes projetos de lei foram apresentados e aprovados por unanimidade durante a sessão.

O primeiro foi de autoria do vereador presidente, Robson Brito, que apresentou um decreto legislativo de titulo de cidadania sãojoãoense ao empresário José Divanildo Albuquerque de Brito, mas conhecido popularmente como Galego das Velas. O presidente Robson Brito destacou a pessoa e o exemplo de luta do empresário, que veio até São João do Cariri querer investir na cidade e está instalando um posto de combustível, onde consequentemente desenvolver o município, ofertando a geração de emprego e renda. O projeto de resolução foi colocado em votação e aprovado por unanimidade.

Por fim, o outro Projeto de Lei colocado em pauta foi de autoria do Executivo, PL 018/2021, que visa reconhecer São João do Cariri como a ‘Cidade da Fé’. De iniciativa do prefeito Helder Trajano, o projeto visa apoiar qualquer evento de cunho religioso, além de fomentar políticas públicas para o incentivo do turismo religioso no município.

A PL que tinha ido para as comissões competentes, foi posteriormente discutida entre os parlamentares e líderes religiosos e foi colocada uma emenda, onde altera a Lei nº 18, nos artigos 3º e 4º, onde destaca que a Prefeitura Municipal deverá, dentre dos limites orçamentários, apoiar a realização de qualquer evento de cunho religioso. Ficando ainda, a Secretaria de Cultura e Turismo autorizada a fomentar políticas públicas voltas à pratica do turismo religioso na cidade, por meio de parcerias com as instituições religiosas existentes.

O Projeto foi colocado em votação e posteriormente aprovado por unanimidade.

PARLAMENTARES DENUNCIAM ÁGUA FORNECIDA PELA CAGEPA

Durante a sessão ordinária, novamente os vereadores de São João do Cariri voltaram a discutir sobre a falta de água e má qualidade de água fornecida pela empresa CAGEPA que está saindo nas torneiras das residências da cidade.

O parlamentar Marcos Wender fez questão de levar ao plenário uma camisa e um recipiente da água barrenta que está saindo nas torneiras ultimamente. O vereador frisou que colocou uma camisa branca para lavar e acabou estragando a camisa que virou de cor, ficando amarela.

Os demais vereadores discutiram sobre o péssimo serviço ofertado pela Cagepa na cidade, mas destacaram ainda o grande trabalho realizado pelos funcionários locais, que em pouco número, ainda conseguem fazer milagres, se esforçando ao máximo para levarem água as torneiras da cidade.

Por fim o vereador Francisco Júnior fez uso da palavra e apresentou uma sugestão, para que a presidência da Câmara encaminhasse um ofício à empresa CAGEPA, requisitando a isenção de pagamento da conta de água dos consumidores locais. Francisco ainda destacou que o Poder Legislativo não está pedindo o fechamento do abastecimento de água de São João do Cariri, mas sim pela isenção da conta de água devido a má qualidade de água que está sendo ofertada à população local.

Ao final da sessão, o Presidente do Poder Legislativo, Robson Brito agradeceu a presença dos colegas vereadores e pela produtividade e aprovação dos pleitos que ora foram apreciados e discutidos durante a presente sessão ordinária.

Ascom CMSJC


BORGES NETO LUCENA INFORMA