Em reunião com João Azevêdo, Lígia Feliciano diz que decisão política cabe ao PDT

 


O governador João Azevêdo (Cidadania) confirmou, nesta terça-feira (14), que esteve em reunião com os membros do PDT na Paraíba, na última sexta-feira, quando foi anunciada a saída de Gustavo Feliciano do cargo de secretário. Na oportunidade, a vice-governadora, Lígia Feliciano, disse que as decisões políticas cabem ao partido, o PDT.

“A minha relação pessoal com ela é absolutamente normal, respeitosa. Eu não tenho absolutamente nada a comentar e a acrescentar. Com relação a questão política é decisão do partido dela. Ela é do PDT, fez uma escolha e logicamente para as escolhas políticas nós colhemos bônus e ônus nas nossas decisões. A vida é assim”, comentou, em entrevista à imprensa, nesta terça-feira (14).

A vice-governadora deve anunciar, em breve, a decisão que tomou. Lígia Feliciano tem tido o nome como um dos que concorrerá às eleições de 2022 ao cargo de governador. A saída do filho do cargo de secretário na semana passada reforça essa hipótese. “Até agora, me disse que não tinha nada definido e eu espero que ela escolha um bom caminho”, frisou, destacando que se reuniu com a vice, o deputado Damião Feliciano e outros membros da sigla.

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO